Notícias
Início da construção da estrada Rio-Petrópolis | 13 de Maio - Dia Nacional do Automóvel

13 de maio – Dia Nacional do Automóvel

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

Embora não seja uma data muito comum, e lembrada por poucos, em 13 de maio é também comemorado o Dia Nacional do Automóvel. O fato de não ser um dia tão celebrado deve-se em parte ao dia do fim da escravatura, comemorado na mesma data. Porém, o Dia do Automóvel, segundo o Decreto 24.224 de 11 de maio de 1934, baixado pelo então presidente Getúlio Vargas, é uma data séria e formal.

O dia foi escolhido por marcar a data de inauguração da primeira estrada pavimentada no Brasil, que ocorreu no dia 13 de maio de 1926.

A primeira estrada pavimentada do país ligava a Raiz da Serra, região próxima a Xerém, em Duque de Caxias, a Petrópolis, na Região Serrana do estado do Rio de Janeiro. Ou seja, a iniciativa da criação da data pelo Presidente Vargas pegou carona na inauguração da estrada.

A importância da construção da Estrada Rio-Petrópolis

A estrada pavimentada fazia uma ligação entra a Baixada Fluminense e Petrópolis, por meio da serra. Petrópolis ou a Cidade Imperial, como até hoje é conhecida (pois era ali onde o Imperador Dom Pedro II mantinha sua casa de veraneio), era e continua sendo um lugar chique e aconchegante, que serve de abrigo para quem quer fugir do calor do verão carioca.

A estrada pavimentada copiava o modelo de pavimentação das estradas americanas, e na verdade não usava asfalto, que sequer era produzido no Brasil na época. Em seu lugar eram usadas placas de concreto, que apesar de também não serem feitas no Brasil, eram muito mais fáceis de importar

Outro fator importante é que o país não tinha muito controle sobre o modelo de asfalto a ser realizado. Isso porque a pavimentação foi uma iniciativa do Automóvel Clube do Brasil, uma sociedade que reunia entusiastas e promovia o uso dos veículos automotores no Brasil, sendo um verdadeiro misto de símbolos e poder com equipamentos de locomoção no país.

Nessa época, o Rio de Janeiro era a capital federal e a instituição tinha poder sobre o então presidente Washington Luiz, que era paulista e tinha como lema de seu governo: “Governar é construir estradas”.

Como ir do Rio a Petrópolis

Na ocasião, o Rio de Janeiro possuía uma frota de quase 20 mil veículos, ¾ dos quais eram automóveis, e o restante, caminhões. E para o carioca que possuía um carro chegar até Petrópolis, era preciso vencer os lamaçais da Baixada Fluminense e as valas e crateras da serra.

Quem não quisesse enfrentar as complicações impostas pelas dificuldades naturais do terreno acidentado podia colocar o automóvel em uma espécie de prancha na Estrada de Ferro Leopoldina, que naquela época era pioneira e usava o vagão Pullman para esse tipo de transporte, e assim era feita a viagem de trem.

Durante o período da construção da estrada, a imprensa criticou fortemente o presidente, e manifestava abertamente apoio ao Automóvel Clube, responsável pela pavimentação.

A comemoração do Dia do Automóvel

O Dia do Automóvel passou a ser comemorado a partir do IV Congresso Nacional de Estradas de Rodagens, quando o chefe do governo provisório do Brasil aproveitou a oportunidade para instituir a data como o Dia do Automóvel e da Estrada de Rodagem. Depois, passou a ser lembrada apenas como o Dia do Automóvel, até ser oficializada pelo decreto de Vargas.

Proteção automotiva no Rio de Janeiro

Gostou de saber um pouco mais sobre a história da data? Pois é, quem possui automóvel e anda por muitas estradas nem sempre imagina que houve um dia em que ela nunca esteve ali. Afinal, muitas vezes a nossa única preocupação é que elas estejam bem conservadas para preservar os nossos veículos.

A proteção automotiva vai muito além do que você espera para seu veículo. Os cuidados são em todos os aspectos, inclusive contra roubos, furtos e incêndios. Afinal, nas horas em que precisamos de ajuda é que a proteção veicular faz toda a diferença. Acesse e saiba mais: http://unibrasmais.com.br/seguros/

Deixe um comentário!

0 Comentários

Comente